19 de junho de 2012

Impasse de transporte por táxi no Aeroporto de Confins é tema de audiência pública na ALMG

A situação do transporte de passageiros por táxi no Aeroporto Internacional Tancredo Neves (Região Metropolitana de Belo Horizonte) foi tema de audiência pública realizada nesta terça-feira (19/06) pela Comissão de Transporte, Comunicação e Obras Públicas da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG).

De acordo com o autor do requerimento, deputado João Vítor Xavier (PRP), do Bloco Transparência e Resultado, os seis mil táxis de Belo Horizonte possuem permissão para levar os passageiros até Confins, porém não podem voltar com clientes. “Essa mesma regra vale para a frota das cidades de Lagoa Santa e Confins”, explicou. Para o deputado, a demanda para táxis em Confins irá aumentar com a Copa das Confederações, em 2013, e da Copa do Mundo, em 2014, eventos que terão Belo Horizonte como uma das sedes. “Entende-se que o momento exige ações categóricas e, para que essas aconteçam, é de extrema importância o debate na Assembleia”, destacou.

O deputado João Vítor Xavier ressaltou a importância de fazer um convênio entre as prefeituras de Belo Horizonte, Lagoa Santa e Confins e solicitou a realização de uma audiência na ALMG com os representantes do poder municipal destas cidades para tentar chegar a um acordo.

Áudio deputado João Vítor Xavier:

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.