29 de julho de 2013

Governo Dilma pede ao FMI para maquiar contas do Brasil

O Governo Federal está tentando mais uma manobra para apresentar à população um país que só existe nas propagandas do PT. Dessa vez, a intenção é maquiar os números da dívida externa, o que mostraria um Brasil bem menos endividado do que realmente ele é.

Segundo informou o jornal Hoje em Dia, o próprio ministro da Fazenda, Guido Mantega, enviou uma carta à diretora-gerente do FMI (Fundo Monetário Internacional) pedindo a mudança do cálculo da dívida do governo. O FMI calcula que a dívida bruta do governo brasileiro é equivalente a cerca de 68% do Produto Interno Bruto (PIB) e o pedido de mudança reduziria essa proporção para 58,7%.

Lamentavelmente, os brasileiros são obrigados a conviver com um governo de resultados de fachada, “um governo que está ai, mascarando por meio do marketing e propagandas, a realidade do país”, afirmou o deputado Rômulo Viegas (PSDB).

Ainda de acordo com a reportagem, o governo brasileiro vem sendo criticado por gastar demais e muitos economistas temem que o País possa perder o grau de investimento no futuro se a política econômica não se tornar mais austera.

 

Charge publicada no portal do PSDB

Crédito: Fernando Cabral