24 de janeiro de 2013

Com Caminhos de Minas, estado investe no asfaltamento de estradas para reduzir distâncias e fomentar a economia

Os avanços em Minas Gerais não param e, em 2012, o estado continuou ampliando os investimentos para gerar mais desenvolvimento econômico e social e melhorar a qualidade de vida dos mineiros. Prova disso são ações implementadas pelo Governo de Minas que garantiram mais infraestrutura, mais empregos, mais educação, saúde e segurança para o estado.

Dentre as grandes inciativas desenvolvidas no ano passado, o projeto Caminhos de Minas é um dos que merecem destaque, conforme ressaltou o líder do governo na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), deputado Bonifácio Mourão (PSDB). Trata-se do maior programa rodoviário da história de Minas, com a implantação de 7.775 quilômetros de rodovias, em 234 trechos, beneficiando diretamente 303 municípios e 7,3 milhões de pessoas.

“Hoje, todas as cidades mineiras são ligadas por asfalto por meio dos programas de Aécio e Anastasia. Agora, com o Caminho de Minas, nós vamos ligar inúmeros municípios uns aos outros e isso facilita e muito a vida do povo mineiro, no escoamento da produção e, na qualidade de vida”, afirmou Mourão. Para o deputado, o transporte e o asfalto, aliados à saúde, segurança e educação, darão mais conforto e dignidade especialmente às populações de regiões mais carentes.

O programa

Na primeira etapa do Caminhos de Minas, serão investidos R$ 3,2 bilhões para pavimentação de 1.955,6 quilômetros de rodovias, beneficiando diretamente 107 municípios e 4 milhões de pessoas. O programa trará, não só mais segurança, mas fundamentalmente oportunidades de negócios e geração de empregos e renda em toda Minas Gerais.

A iniciativa é uma continuidade do programa ProAcesso idealizado pelo senador Aécio Neves quando governador. Com ela, será possível reduzir distâncias, fomentar a economia, dar mais segurança aqueles que transitam nas rodovias mineiras e melhorar a comunicação entre as regiões do Estado.