11 de maio de 2011

Audiência pública na ALMG debate troca de sacolas plásticas por embalagens econômicas

A substituição de sacolas plásticas por embalagens econômicas foi tema de audiência pública realizada na manhã desta terça-feira pela Comissão de Defesa do Consumidor e do Contribuinte da Assembléia Legislativa de Minas Gerais (ALMG).

A audiência foi convocada para debater se a nova legislação municipal levará prejuízo ao consumidor, uma vez que a Associação Mineira de Supermercados anunciou que irá repassar o valor da sacola, R$ 0,19, ao cliente. A audiência foi marcada por discussões sobre a fiscalização e a cobrança de sacolas plásticas.

O abandono das sacolas plásticas recebeu apoio dos convidados presentes. A coordenadora do Procon municipal, Maria Laura Santos, destacou diversas opções para o consumidor substituir materiais de plástico, como sacolas de tecido, cestas e caixas de papelão. De acordo com a presidente do Movimento das Donas de Casa e Consumidores (MG), Lúcia Pacífico Homem, a conscientização deve ser trabalhada nas escolas de forma interdisciplinar.

A fiscalização em relação à troca de sacolas por embalagens ecológicas, por parte dos estabelecimentos comerciais, será feita pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente e pelo Procon de Belo Horizonte.